22 novembro 2019, 19:46
Foto: Marcelo Camargo / Arquivo Agência Brasil

PF com operação para apurar vazamento em prova do Enem

Agentes da Polícia Federal cumpriram dois mandados de busca e apreensão neste sábado (9), no Ceará. A ação batizada de “Operação Thoth” teve como finalidade apurar o vazamento da primeira etapa da prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

De acordo com informações da Uol, os mandados de busca e apreensão foram expedidos pela 12ª Vara Federal de Fortaleza. As medidas tinham como alvo duas aplicadoras do exame, suspeitas de serem as responsáveis pelo vazamento de uma foto da proposta de redação. A PF esteve na casa das duas e apreendeu os telefones celulares de ambas. Os aparelhos serão submetidos a perícia para averiguar se elas de fato vazaram fotos do Enem.

Caso seja confirmado que o vazamento partiu das aplicadoras, elas podem ser indiciadas pelo crime de fraude em certames de interesse público, com pena de até 5 anos de prisão e multa.

Além desse suposto vazamento, a PF investiga outros casos no Rio de Janeiro e na Bahia.

Operação

De acordo com a PF, o nome faz referência ao deus egípcio da escrita e da sabedoria. Na mitologia egípcia, Thoth foi o responsável por criar os hieróglifos, sistema de escrita utilizado pela civilização na Antiguidade.

(Texto: Jéssica Vitória com informações da Uol)

Veja também

Quadrilha que cometeu assaltos em fazendas de MS é presa

Em Jaraguari, a 52 km da Capital, a Policia Civil decretou prisão provisória e busca …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *