19 novembro 2019, 11:58
Crédito: Jornal da Record

Ataque contra manifestantes no Iraque mata 18 pessoas

O ataque que já está em seu quinto dia consecutivo, em protesto contra a corrupção do governo, a falta de serviços e o desemprego, deixou 18 mortos hoje terça-feira (29) no Iraque.  Segundo informações de populares que não quiseram se identificar, dezenas de manifestantes estavam reunidos numa praça da cidade quando tiros foram disparados a partir de um carro.

As manifestações no Iraque começaram no último dia 1º de outubro para exigir a queda do regime, quando se assinala o primeiro ano do novo executivo iraquiano, que implementou reformas econômicas alvo de contestação.

Os protestos estão sendo realizadas em duas etapas. A primeira, entre 1º e 6 de outubro, provocou, segundo números oficiais, 157 mortos, quase todos manifestantes.

A segunda começou na quinta-feira à noite, após uma interrupção de 18 dias, por ocasião de uma importante peregrinação xiita e fez, nas últimas horas, 82 mortos, de acordo com um balanço da comissão governamental de direitos humanos. A informações foram confirmadas pela Agência Brasil.

(Texto: Karine Alencar)

Veja também

Presidente do Chile condena violência policial em protestos

O Presidente do Chile, Sebastián Piñera, condenou ontem (17) pela primeira vez, os abusos cometidos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *