20 novembro 2019, 7:53
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil/ Reprodução

PSL mantém líder na Câmara

A Secretaria-Geral da Mesa da Câmara dos Deputados confirmou nesta quinta-feira (17) a manutenção do deputado Delegado Waldir (GO) como líder do PSL na Casa. Uma lista com 29 assinaturas foi validada e manteve o parlamentar no cargo.

Ontem (16), o presidente Jair Bolsonaro pediu a parlamentares da sigla que assinassem a lista para destituir o deputado e apoiassem o nome do seu filho, Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), para o posto. O pedido foi gravado por um deputado não identificado.

De acordo com informações da Agência Brasil, foram apresentadas duas listas pelo filho do presidente, sendo que ambas continham 27 assinaturas, das quais 26 foram confirmadas na primeira lista, e 24, na segunda. Já a lista de assinaturas apresentada ontem por Delegado Waldir foi apresentada às 22h18, com 31 assinaturas – das quais 29 foram confirmadas.

Nesta manhã, o presidente da Câmara dos Deputadas, Rodrigo Maia (DEM-RJ) afirmou que a decisão sobre o líder do PSL caberia à Secretaria-Geral da Mesa da Casa.
Segundo o deputado Delegado Waldir, haverá uma nova eleição para liderança do PSL em fevereiro.

(Texto: Jéssica Vitória com informações da Agência Brasil)

Veja também

Flávio Bolsonaro pede desfiliação do PSL

O senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), filho do presidente Jair Bolsonaro, pediu ontem (18) a desfiliação …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *