20 novembro 2019, 7:55
Foto: Pedro Ladeira/Folhapress

“Eu vou implodir o presidente”, diz líder do PSL

O líder do PSL na Câmara dos Deputados, Delegado Waldir (GO), afirmou, em áudio obtido pela VEJA e divulgado nesta quinta-feira (17), que vai “implodir” o presidente da República Jair Bolsonaro.

A declaração ocorrer após Bolsonaro pedir a parlamentares da sigla que assinassem a lista para destituir o deputado e apoiassem o nome do seu filho, Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), para o posto.

“Eu vou implodir o presidente. Aí eu mostro a gravação dele. Eu tenho a gravação. Não tem conversa. Não tem conversa, eu implodo o presidente. Acabou. Acabou o cara. Eu sou o cara mais fiel a esse vagabundo. Eu votei nessa p., eu andei no sol em 246 cidades, andei no sol gritando o nome desse vagabundo”, diz Waldir. No áudio, ele afirma, ainda, que “em janeiro” deixará da liderança do partido. “Em janeiro, eu saio. Agora, se ele insistir comigo, eu vou implodir ele”, afirma em outro trecho da gravação.

De acordo com informações da Veja, a permanência de Waldir na liderança é uma vitória do grupo de parlamentares ligados ao presidente nacional do partido, Luciano Bivar (PE).

(Texto: Jéssica Vitória com informações da Veja)

Veja também

Flávio Bolsonaro pede desfiliação do PSL

O senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), filho do presidente Jair Bolsonaro, pediu ontem (18) a desfiliação …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *