17 novembro 2019, 8:29
Foto: Reprodução/Internet

Vagas em cursos presenciais tiveram quedas nos últimos anos

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP) e o Ministério da Educação (MEC) divulgaram hoje (19) o Censo da Educação Superior do ano de 2018. As notas estatísticas mostram que as vagas nos cursos de graduação de Ensino à Distância (EaD) são maiores que no presencial.

Os dados destacam que o número de ingressos nos cursos de graduação a distância tem crescido significativamente nos últimos anos, dobrando sua participação no total de novos alunos, de 20% em 2008 para 40% em 2018. De acordo com o Instituto, nos últimos cinco anos, os ingressos nos cursos presenciais diminuíram 13%.

Para o ministro da Educação, Abraham Weintraub, a maior oferta de vagas no ensino a distância em relação ao presencial é uma “tendência nacional e mundial”. “Isso só tende a se consolidar”, afirmou.

Além destes dados, o Censo ainda mostra que bolsistas e alunos que contratam financiamentos tendem a concluir os estudos mais do que os outros. Segundo informações, em 2016, 53,3% dos alunos da rede privada com Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) concluíram a graduação, já os que não tinham Fies, só 35,1%. Com e sem ProUni, os percentuais são 56% e 34,8%.

(Texto: Izabela Cavalcanti com informações de Agência Brasil e INEP)

Veja também

Desmate na Amazônia voltou a subir, apontam dados do Inpe

Os alertas de desmatamento na Amazônia no mês de outubro registrados pelo sistema Deter, do …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *