Campanha da vacina contra gripe também cria resistência ao COVID em Campo Grande

Vacina

Deve-se esperar o intervalo de 15 dias se a vacina da COVID19 for tomada

A Campanha de Imunização contra a gripe Influenza vai começar na próxima segunda-feira (12) em Campo Grande. Nos Estados Unidos, um estudo realizado por pesquisadores da Universidade do Michigan, sugere que as pessoas que tomaram a vacina contra gripe apresentaram um risco 24% menor de serem infectadas pelo COVID19.

A primeira fase da campanha na Capital de MS será até 10 de maio, destinada a crianças, gestantes, mulheres que tiveram filho há pouco tempo, indígenas e trabalhadores de saúde.

A segunda fase ocorrerá entre 11 de maio e 8 de junho e imunizará pessoas com mais de 60 anos e professores. Já a terceira etapa está prevista para 9 de junho a 9 de julho.

Na última, serão vacinadas pessoas com comorbidades ou deficiências permanentes, caminhoneiros, trabalhadores do sistema rodoviário e portuário, forças de segurança e das Forças Armadas, funcionários do sistema prisional, detentos e jovens de 12 a 21 anos que estão sob medidas socioeducativas.

Como a campanha é simultânea a imunização contra a covid-19, a SES (Secretaria Estadual de Saúde) recomenda que a prioridade seja a vacina do novo coronavírus. E também deve-se observar intervalo de 15 dias entre as duas vacinas.

(Com informações da Revista VEJA)

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *