Óleo em praias não deve impactar leilões de petróleo

Nesta terça-feira (29), o  ministro de Minas e Energia Bento Albuquerque, assegurou que o vazamento de petróleo que tem tomado grande parte do litoral do Nordeste desde o começo do mês passado, não deve ter impactos na atração de investidores para leilões de áreas de exploração de petróleo agendados para novembro.

Bento Albuquerque afirmou não ver “relação de causa e efeito” entre o óleo na costa e as licitações. Ele também disse que o governo tem feito “tudo o que lhe compete” para minimizar o problema ambiental no Nordeste.

Pouco antes, o presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, definiu o vazamento como “a maior agressão ambiental sofrida pelo nosso país na história”,  durante entrevista em um evento no Rio acompanhado pela Reuters.

(Texto: Karine Alencar)

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *