COVID: Depois de 45 dias internado, morre prefeito de Miranda

175446113_474362637312835_641414779263575743_n

Depois de 45 dias internado, o prefeito de Miranda, Edson Moraes (PSDB), morreu aos 53 anos, em decorrência da COVID. Ele era casado com Fátima Moraes e deixa dois filhos: Gedivaldo (Taboca) e Tânia, além da netinha Isabelly. O horário do seputalmento ainda não foi cogitado porque seu corpo será deslocado até sua cidade. Ele estava internado por último no Hospital Universitário em Campo Grande depois de passar vários dias no El Kadri. O filho vinha pedindo orações ao pai em seu perfil no facebook desde os primeiros dias da doença.

Esta é a segunda perda para a COVID da família Moraes. Há pouco tempo, o irmão, Valter Moraes, também foi vítima de complicações da doença. O sepultamento será realizado na Câmara Municipal de Miranda. O horário ainda não foi divulgado.

De acordo com funcionário de Miranda, a prefeitura local deve criar uma mobilização para velar o corpo em caixão fechado no plenário da Câmara de vereadores do município. Edson Moraes foi foi vereador, e presidente da Câmara até 2019. Ele assumiu a prefeitura em agosto de 2019 depois da cassação da prefeita Marlene Bossay (MDB). Na ocasião ele era presidente da Câmara. Se reelegeu na eleição do ano passado.

Ele foi reeleito com a maior votação da história com mais de 10,8 mil votos, mais de 82% do votos válidos.

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *